Início Blog

Manutenção Preventiva Sistema Solar Fotovoltaico

Tutorial: Sex, 22 de Novembro de 2019, 12:00:00

 

 

Está cada dia mais fácil instalar o próprio sistema fotovoltaico. Com a popularização da tecnologia cada vez mais residências, comércios e indústrias estão gerando sua própria energia em casa. Mas aqui fica a dúvida para quem já tem o sistema ou pretende instalar no futuro: a manutenção é difícil?

Manutenção de sistemas solares fotovoltaicos é na verdade extremamente simples e não precisa ser feita com tanta frequência. A manutenção preventiva, inclusive, pode ser realizada pelo próprio dono do sistema e é importantíssimo para garantir a vida útil dos componentes do sistema. Evitando dores de cabeça desnecessárias com a geração de energia e a garantindo a economia da fatura no final do mês.

 

Manutenção de sistemas fotovoltaicos é simples e envolve principalmente a limpeza dos módulos fotovoltaicos. Foto ilustrativa.
Manutenção de sistemas fotovoltaicos é simples e envolve principalmente a limpeza dos módulos fotovoltaicos. Foto ilustrativa.

 

 

 

Faça sua própria manutenção preventiva em um sistema Ongrid

 

A manutenção caseira do sistema fotovoltaico começa ao observar os seguintes pontos:
- Estado de conservação dos módulos fotovoltaicos
- Verificar se o inversor está funcionando corretamente
- Conferir o estado de componentes elétricos, cabos e conectores.

Quantos aos módulos fotovoltaicos, é importante observar a presença de sujeira e possíveis danos na estrutura dos painéis.

A presença de camadas de poeira e detritos prejudica a irradiação do sol no módulo solar. Em alguns casos mais extremos, a limpeza do sistema chegou a melhorar a eficiência da geração de energia em até 20%.

A limpeza pode ser realizada pela limpeza com água corrente ou instrumento de limpeza com cerdas macias não abrasivas e recomenda-se não usar qualquer tipo de produto químico para não danificar os vidros do módulo. No máximo, um detergente neutro com água.

Em alguns casos mais extremos, a limpeza do sistema chegou a melhorar a eficiência da geração de energia em até 20%.

Lembrando que, módulos fotovoltaicos são extremamente resistentes e seguem padrões internacionais de qualidade, mas não suportam impactos localizados. Logo deve-se evitar usar jatos de água pressurizada a curta distância, assim como não se deve pisar ou apoiar qualquer tipo de peso em cima dos módulos durante a limpeza.

Não se recomenda também a subir no telhado sem utilizar equipamento de segurança. Realize a limpeza do nível do chão, ou plataforma, usando um instrumento de cabo longo e água abundante. Se não for possível, recomenda-se a procura de serviço profissional.

Quanto ao estado de conservação dos módulos, é interessante observar a presença de danos físicas nos vidros, como trincas e rachaduras, assim como observar a coloração dos módulos. Qualquer dano no vidro vai afetar a eficiência do módulo, assim como a coloração alterada pode ser sinal de superaquecimento naquela área. Em ambos os casos, procure substituir o material danificado.

A frequência da limpeza depende diretamente da inclinação do sistema e quantidade de chuvas. Em estados mais chuvosos, em um sistema instalado com inclinação de 15º a limpeza pode ser realizada uma vez por ano. Em áreas mais secas, recomenda-se a limpar uma vez por semestre, ou até mesmo trimestral em épocas de seca.

 

Se não forem limpos, a poeira vai bloquear parte da irradiação do sol no painel, prejudicando a geração de energia.

Se não forem limpos, a poeira vai bloquear parte da irradiação do sol no painel, prejudicando a geração de energia.

 

Para grandes empresas com sistemas maiores, recomenda-se a contratação de um serviço profissional de limpeza pelo menos uma vez ao ano.

A manutenção preventiva dos inversores pode ser feita observando a temperatura do aparelho e conferindo se as ventoinhas de ventilação estão funcionando corretamente.

Primeiro confira se o inversor apresenta “pontos quentes” em alguma área. A ventoinha também deve estar funcionando corretamente sem ruídos estranhos, se estiver muito suja limpar com cuidado enquanto o inversor estiver desligado. Por fim, reinicie o inversor e observe se está funcionando corretamente.

De forma geral, o inversor pode ser observado de 3 em 3 meses. Em caso de identificado algum problema em qualquer equipamento, recomenda-se entrar em contato com a empresa que realizou a instalação.

 

 

Manutenção Profissional

 

Além da limpeza dos módulos e a observação do inversor, recomenda-se que donos de sistemas fotovoltaicos procurem a empresa que realizou a instalação do fotovoltaico pelo menos uma vez por ano para realizar a manutenção mais profundas do sistema.

Primeiro passo do profissional habilitado é conferir no quadro elétrico se todos os componentes estão funcionando corretamente. Prestando atenção para possíveis sinais de queimaduras, cabos superaquecidos ou com folga. Conectores também devem estar firmes e vedados corretamente.

Se for possível, se certificar que os conectores dos painéis e a estrutura metálica estão bem colocados e não apresentam folgas.

Um profissional habilitado também pode, através de equipamentos especiais, observar a possível formação de pontos quentes nos módulos. Assim como checar o estado de todo o sistema elétrico que envolve o sistema. Se detectado alguma peça com defeito a mesma deve ser substituída imediatamente.

A SolarPro Engenharia recomenda que usuários de geração fotovoltaica não relaxem com a manutenção do sistema. Módulos fotovoltaicos possuem uma vida útil de quase 30 anos quando cuidados corretamente, gerando energia e retorno para o investimento.

Banner manutencao

COMENTAR

0 Comentário(s)